Topo da página
Área Reservada
Search

Quem somos

A GESAMB – Gestão Ambiental e de Resíduos, EIM, foi criada pela Associação de Municípios do Distrito de Évora, é uma empresa intermunicipal de capitais maioritariamente públicos com personalidade júridica e dotada de autonomia financeira e patrimonial.

O capital estatutário da GESAMB é fixado em 1 milhão de euros, com 60% da Associação de Municípios do Distrito de Évora (atual CIMAC - Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central) e 40 % da empresa Lena Ambiente.



A GESAMB, é a empresa responsável pela gestão e exploração do Sistema Intermunicipal de Valorização e Tratamento de Resíduos Urbanos do Distrito de Évora (SIRU), que integra os municípios de Alandroal, Arraiolos Borba, Estremoz, Évora, Montemor-o-Novo, Mora, Mourão, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Vendas Novas e Vila Viçosa, que produzem cerca de 76 mil toneladas de resíduos sólidos urbanos, por ano.



A sua área de intervenção corresponde a 6,9 % da área total do país, e procede ao tratamento e valorização de 1,6 % do lixo doméstico produzido em Portugal.

A GESAMB tem sede no Aterro Sanitário Intermunicipal, na Estrada Nacional n.º 380 (Évora - Alcáçovas), ao quilómetro 89,9.

 

Missão, Visão, Valores

MISSÃO

Assegurar a gestão integrada do Sistema Intermunicipal de Resíduos Urbanos do Distrito de Évora, utilizando as técnicas mais seguras e ambientalmente adequadas, tendo sempre em consideração os princípios da sustentabilidade e aplicação da legislação e recomendações nacionais e internacionais em vigor para o setor dos resíduos.

 

VISÃO

Ser reconhecida como uma organização de referência pela ecoeficiência do seu desempenho e promoção da sustentabilidade ambiental e social.

 

VALORES



 

Historial da Empresa

2018 

Prémio de Qualidade do Serviço de Resíduos - ERSAR

2017

Certificação do Composto Orgânico produzido no TMB cuja designação comercial é AlentejoFértil.

2016 

Certificação da Qualidade e Ambiente – Normativos NP EN ISO 9001, para a Qualidade, e NP EN ISO 14001, para o Ambiente.

2015

Entrada em pleno funcionamento do TMB

Construção da linha de CDR

2014

Concurso público internacional para a construção da linha de produção de Combustível Derivado Resíduos (CDR) e infraestruturas complementares ao TMB, com um valor do preço base de 2,75 milhões de euros.

2013

Inicia-se a fase de teste do TMB;

2012

Construção do TMB;

Construção da nova célula de Resíduos Urbanos (RU);

Construção da Unidade de Valorização de Resíduos de Construção e Demolição (RCD);

Apresentação da candidatura do CDR (Combustível Derivado de Resíduos);

Início de receção de RCD.

2011

Reforço de equipamentos de Recolha Seletiva

Início da construção do TMB.

2010

Construção da fitodepuradora com vista à afinação do permeado resultante da ETAL;

Início da gestão dos Óleos Alimentares Usados (OAU);

Concurso público internacional para a construção civil do TMB.

2009

Estabelecimento da parceria entre a GESAMB, RESIALENTEJO e AMCAL que consiste no cumprimento dos objetivos do PERSU II;

Concurso público internacional para o fornecimento do equipamento do TMB (Tratamento Mecânico e Biológico)

2008

Início do processo de selagem parcial do aterro;

Elaboração do Plano de Ação.

2007

Licenciamento dos Ecocentros e das Estações de Transferência.

2006

Início de exploração do 1º Ecocentro - Vendas Novas (setembro).



2005

Execução dos projetos dos ecocentros (1º Semestre);

Início da construção dos ecocentros (setembro).



2004

Entrada em funcionamento da GESAMB (1 de janeiro);

Início de exploração do Centro de Triagem (março);

Finalização da colocação dos ecopontos (abril);

Concurso público para construção dos ecocentros.

 



2003

Início de exploração das estações de transferência de Montemor-o-Novo, Borba e Reguengos de Monsaraz;

Início da colocação de um total de 450 ecopontos (maio) e aquisição de viaturas de recolha seletiva;

Início da campanha de sensibilização da população para as recolhas seletivas;

Elaboração de projeto e inicio da construção do Centro de Triagem.



2002

Início de exploração do aterro sanitário;

Início de exploração da estação de transferência de Mora; 

Encerramento e recuperação ambiental das lixeiras;

Concurso público internacional para aquisição de ecopontos.



2001

Concurso público internacional para construção do encerramento e recuperação ambiental das lixeiras;

Início da construção do aterro sanitário e das estações de transferência.



2000

Revisão dos projetos e elaboração do processo de concurso para construção do encerramento e recuperação ambiental das lixeiras;

Concurso público internacional para conceção e construção do aterro sanitário e estações de transferência;

 

1999

Expropriação de terrenos, levantamentos topográficos, estudo geológico e geotécnico;

Estudo de caracterização dos RSU produzidos nos municípios integrantes do SIRSU;

Definição do programa base e técnico de conceção e construção do aterro sanitário e estações de transferência.



1998

Conclusão dos projetos de encerramento e recuperação ambiental das lixeiras do distrito de Évora;

Elaboração do estudo do modelo institucional e tarifário do SIRSU.



1997

Estudos de avaliação e seleção dos locais para construção das infraestruturas constituintes do SIRSU (Sistema Intermunicipal de Resíduos Sólidos Urbanos do distrito de Évora);

Início da elaboração dos projetos de encerramento e recuperação ambiental das lixeiras.  



1996

Elaboração e conclusão da 3ª fase do PDRSE (relatório final), que sistematizou as soluções de valorização e tratamento dos RSU produzidos nos municípios de Alandroal, Arraiolos, Borba, Estremoz, Évora, Montemor-o-Novo, Mora, Mourão, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Vendas Novas e Vila Viçosa;

Aprovação do PDRSE.



1995 

Elaboração e conclusão das 1ª e 2ª fases do PDRSE, que contemplam o levantamento, caracterização e diagnóstico da situação e a análise comparativa de soluções.



1994 

Em face da necessidade de resolução da problemática da valorização, tratamento e destino final dos RSU no distrito de Évora, a Associação de Municípios do Distrito de Évora (AMDE) promoveu a elaboração do Plano Diretor de Resíduos Sólidos do Distrito de Évora (PDRSE), com o objetivo de definir a estratégia e as soluções a implementar no distrito.





Órgãos Sociais



ASSEMBLEIA GERAL (Formada pelos representantes dos detentores do capital estatutário):



CIMAC - Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central

BioSmart - Soluções Ambientais, S.A.

Conselho de Administração (Eleito na Assembleia Geral de 23 de maio de 2019):



Presidente: Eng.º Luís Simão Duarte de Matos, CIMAC

Vogais: Eng.º João Paulo Mengas da Silva Afonso, BioSmart; Dr. Bernardino António Bengalinha Pinto, CIMAC

 

 

FISCAL ÚNICO L. Graça R. Carvalho & M. Borges, SROC, Ldª

NOTÍCIAS / Regulamento de Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos

2019-09-11

Encontra-se em consulta pública o projeto de alteração do Regulamento de Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos.

NOTÍCIAS / Em novembro, a Europa une-se para mudar hábitos e reduzir os resíduos

2019-09-07

Semana Europeia da Prevenção de Resíduos tem data marcada e lema definido.

NOTÍCIAS / Recolha seletiva porta a porta na região de Évora recebe 10 novas viaturas

2019-08-07
A Gesamb, em parceria com os municípios, reforça a capacidade de recolha de resíduos de embalagem porta a porta, junto do setor comercial e serviços.

NOTÍCIAS / Na região de Évora a reciclagem faz agora parte do serviço

2019-07-31
Seja Muito Eco Bem-vindo é o dístico que lhe garante que em 750 estabelecimentos da região os resíduos são mesmo para reciclar.

NOTÍCIAS / Campanha da Gesamb promove a reciclagem junto dos empresários locais

2019-06-10

NOTÍCIAS / É Alentejano, totalmente reciclado e destinado aos agricultores locais

2019-05-31
Alentejo Fértil é um corretivo orgânico, económico e totalmente produzido através do aproveitamento dos resíduos locais.

NOTÍCIAS / Alentejo ganha Centro de Demonstração de Cultivo Biológico e Compostagem

2019-04-27
As novas facilidades encontram-se nas instalações da Gesamb e poderão ser visitadas brevemente por todos os interessados.

NOTÍCIAS / Alentejo, estes são os números do nosso lixo

2019-03-29

Alentejo: estes são os números do nosso "lixo".

Produzimos muitos ou poucos resíduos? Qual é o tipo de resíduos que produzimos em maior número? No distrito de Évora que concelho produz mais resíduos? E qual o que recicla mais? Este é o relatório Gesamb-EIM de 2018.

 

 

NOTÍCIAS / Do Campo à Mesa - A Circularidade dos Plásticos e a Nova Agricultura

2019-03-12

NOTÍCIAS / Venha conhecer o Km0 dia 8 de março

2019-03-07
O projeto que lhe vai permitir contribuir para a produção local de alimentos e reduzir a pegada ecológica alimentar.

NOTÍCIAS / Prazo de candidatura para Concurso de fotografia PHENOMENA foi prolongado

2019-02-15
Concorra com duas imagens e habilite-se a ganhar um prémio monetário.

NOTÍCIAS / Começamos 2019 a construir

2019-01-24
A Unidade de Compostagem de Resíduos Verdes já está em construção e será uma realidade em fevereiro.

NOTÍCIAS / Gesamb empenhada no projeto SECASOL

2019-01-09
Um projeto de pesquisa e troca de experiências com o fim último do uso de energia limpa e livre, como a energia solar térmica de concentração, no processo de secagem das lamas provenientes do tratamento dos resíduos indiferenciados.

NOTÍCIAS / Não é amanhã, é AGORA que temos de começar a reciclar

2018-05-17
"AGORA", o filme que lhe mostra como simplesmente tem de começar já.

Eco-Localizações /

Evora

Para conhecer a localização dos nossos ecopontos ou ecocentros, utilize os filtros acima.

Histórico de recolha /

Não existem dados a apresentar
Não existem dados a apresentar

Pedido de Recolha

X
Atenção
* Campos obrigatórios
Institucional
Clientes
Informações Úteis
Contactos

Aterro Sanitário Intermunicipal - Estrada das Alcáçovas, EN 380 7000-175 Évora

Tel.: 266 748 123
Fax: 266 748 125
E-mail: geral@gesamb.pt

Apoios
sponsors
Tens de virar o iPad para conseguires ver o site corretamente