Topo da página
Área Reservada
Search

As principais infraestruturas situam-se nos arredores de Évora, tais como: o Aterro SanitárioCentro de Triagem, Edifícios Técnicos e Administrativos, Estação de Tratamento de Águas Lixiviantes (ETAL), e ainda, a nova Unidade de Tratamento Mecânico e Biológico(TMB). Acrescem a estas estruturas, seis Estações de Transferência espalhadas pelo distrito -e onde também se localizam os Ecocentros- e 670 Ecopontos (2013). Para garantir a gestão, o transporte e o tratamento de todas as tipologias de resíduos inerentes à sua atividade, a GESAMB tem na sua frota diferentes tipos de veículos e máquinas (56 unidades) e percorrem anualmente cerca de 546 mil km (2013).



Por um futuro melhor

[09 - 2020] 1 RESULTADOS
2020-09-23
Reforço das recolhas dedicadas e adaptações dos ecocentros.

Sustentabilidade


  • A EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NA GESAMB

A GESAMB gere e valoriza os resíduos urbanos de 6,9% do território nacional e efetua o tratamento de 1,6% do total de resíduos produzidos em Portugal. Estas percentagens representam a gestão de 80 mil toneladas anuais de resíduos urbanos (2013), produzidos por cerca de 160 mil habitantes dispersos por 12 municípios e uma região com cerca de 6.400 km2.

O PROBLEMA

Naturalmente a prestação deste serviço e o funcionamento de todos estes equipamentos representam um elevado consumo energético na empresa. No caso generalizado dos sistemas de tratamento de resíduos nacionais estes consumos estão essencialmente concentrados na eletricidade e no gasóleo, e a GESAMB não é exceção.

Os constrangimentos do processo produtivo da GESAMB assentam, principalmente, nos custos de exploração decorrentes do consumo de combustível dos vários veículos, e no consumo elétrico dos equipamentos. Naturalmente com menor representatividade no consumo da empresa, mas com importância ao nível da eficácia e da responsabilidade no uso da energia, está o consumo elétrico dos equipamentos elétricos e eletrónicos, eletrodomésticos e iluminação.

Sabemos que para obter a energia é necessário queimar combustíveis fósseis. Seja para gerar eletricidade doméstica, seja para alimentar os motores de combustão das viaturas ou das indústrias. E a queima de combustíveis fósseis tem associada a si a produção de gases de efeito estufa, que entre outras consequências como por exemplo as chuvas ácidas, constituem o principal responsável pelas alterações climáticas.

O PROBLEMA E CONTEXTO MUNDIAL

Ao longo da história as empresas tiveram de se adaptar a diferentes realidades. A grande realidade de hoje é que o petróleo, o carvão e o gás vão acabar. É um facto, pode demorar 40, 60 ou 200 anos, respetivamente, mas acabarão. E estas fontes de energia são aquelas que ainda movem o mundo à nossa volta: a eletricidade que consumimos, o combustível usado nos transportes, a água que chega a nossa casa, os produtos que consumimos. Todos dependem desta energia.

ANTECIPAR E ADAPTAR

A competitividade de amanhã será o poder de se adaptar agora. A competitividade de amanhã será os pequenos atos de hoje, como os que foram mencionados ao longo deste manual. Adotar boas práticas ambientais no nosso dia-a-dia contribui de forma ativa para diminuir o desgaste dos recursos naturais e consequentemente para a melhoria da qualidade de vida.

ESTE É O NOSSO TRABALHO

Gerir ou trabalhar numa empresa competitiva implica poupar. E poupar o ambiente é poupar a dobrar. Poupamos os recursos que estarão disponíveis mais tarde, daremos tempo para se autorregenerarem, e pouparemos economicamente.

Podemos dizer de forma muito simples que conservar o ambiente é conservar o nosso posto de trabalho, pois sem recursos disponíveis, não haverá empresas, e acima de tudo não haverá vida como a conhecemos!

É por tudo isto que é importante para a GESAMB tomar medidas para reduzir o consumo energético resultante da sua atividade, assim como promover comportamentos responsáveis junto dos seus funcionários, pois não só beneficiamos o ambiente, como também reduzimos o custo económico.

Com estas preocupações e objetivos a GESAMB realizou uma candidatura ao Altercexa em 2013, a qual apresentamos de seguida as suas linhas gerais.

AS MEDIDAS IMPLEMENTADAS PARA A MISSÃO DE POUPANÇA E EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

1.     Instalação de baterias de condensadores para correção do fator de potência.

Em Agosto de 2012 foi instalada uma bateria de condensadores, para fazer face ao crescente aumento das tarifas de energia reativa. (realização extra programa Altercexa).

2.     Implementação do Sistema Integrado de Recolha de Ecopontos da GESAMB (SIREG).

Tendo por base uma solução informática de apoio ao processo de recolha seletiva de ecopontos, será possível otimizar os percursos realizados pelas várias viaturas da empresa. Com a implementação deste sistema estima-se que será possível reduzir em cerca de 10% um indicador de grande e particular importância para a GESAMB: os quilómetros percorridos por tonelada de recicláveis recolhidos. (realização extra programa Altercexa).

3.     Substituição das luminárias exteriores para tecnologia LED.

Prevê-se uma poupança de 9,45% nos consumos anuais de energia.

4.     Sistema de Gestão Técnica Centralizada (GTC) de monitorização e controlo de eficiência energética.

Com base num software de supervisão e aquisição de dados será possível monitorizar os consumos energéticos nos diversos edifícios e equipamentos, o que para além do simples fornecimento de dados de consumo, permitirá identificar medidas para aumentar a eficiência energética nas instalações como permitirá perceber os padrões de consumo e promover correções de forma mais imediata e ajustada à realidade da empresa.

Estima-se diminuições diretas no consumo de cerca de 5,43% relativamente ao consumo total das instalações, contudo como este sistema é também uma excelente ferramenta de gestão e de apoio à decisão permitirá certamente produzir diminuições mais acentuadas.

5.     Instalação de dois Sistemas de Água Quente Solar (AQS).

A instalação deste sistema de aquecimento solar de água prevê-se uma poupança de 3,19% nos consumos anuais de energia.

6.     Campanha de sensibilização interna

A eficiência energética não é apenas uma questão de escolher a melhor tecnologia, ou de alterar equipamentos. É também uma questão comportamental onde a poupança e o uso consciente devem ser introduzidos no discurso da sensibilização. Foi por isso impensável não trabalhar com quem gere, usa e manuseia as infra-estruturas da GESAMB.

E é por isso que uma das medidas desta ação de Poupança e Eficiência Energética foi uma campanha de sensibilização, denominada de Luz OFF / Natureza ON, construída com, e para, os colaboradores da GESAMB de modo a promover o consumo consciente de energia no local de trabalho e em casa. E quando falamos poupança energética falámos obviamente de eletricidade, mas também poupar água, combustível, reduzir a produção de resíduos, reciclar…

Após a realização de um Casting Ambiental a todos os funcionários em que se realizaram ações de demonstração e testes de conhecimentos, as instalações foram, de um dia para o outro, “redecoradas” com variadíssimas dicas de poupança.

A equipa é convidada a participar nesta missão da empresa através de pequenas mudanças no seu quotidiano, e que basicamente se limitam a estar mais atentos na altura de ligar e desligar. Hoje, qualquer funcionário que chegue ao seu local de trabalho vai ter um colega a lembrar-lhe para… não ligar o ar condicionado se as janelas estiverem abertas, ou para desligar o computador durante a hora do almoço. Aliada a estas ações esteve também a oferta de um Kit de Eficiência Energética para os lares dos funcionários, onde constou uma lâmpada de baixo consumo, lembretes decorativos para afixar em casa e um Manual do Ambiente.

 

  • PLANO DE GESTÃO DE RISCOS DE CORRUPÇÃO E INFRAÇÕES CONEXA

Este Plano tem como objetivo fundamental a identificação de situações potenciais de risco de corrupção ou infracções conexas assim com identificar medidas de prevenção e correção que minimizem a probabilidade de ocorrência do risco, e definir a metodologia de adoção e monitorização das medidas identificadas.

Dando cumprimento à recomendação do Conselho de Prevenção da Corrupção em 2009, a GESAMB realiza este relatório anualmente com o objetivo de descrever o grau de execução das medidas propostas no referido Plano.

Relatório anual 2014

X
Atenção
* Campos obrigatórios
** Se preencher o nº do ecoponto, a morada será preenchida automaticamente

Eco-Localizações /

Evora

Para conhecer a localização dos nossos ecopontos ou ecocentros, utilize os filtros acima.

NOTÍCIAS / Gesamb aposta na recolha de proximidade

2020-09-23
Reforço das recolhas dedicadas e adaptações dos ecocentros.

NOTÍCIAS / Um marco para a Gesamb, no caminho da sustentabilidade

2020-08-27
A Gesamb publica o seu primeiro relatório de sustentabilidade.

NOTÍCIAS / Gesamb reforça a aposta na compostagem e nos biorresíduos

2020-07-08
A recente aprovação de duas candidaturas ao PO SEUR permitirá melhorar e intensificar a gestão dos biorresíduos na região.

NOTÍCIAS / Nem todo o plástico é para colocar no contentor amarelo do ecoponto

2020-06-29
Vasos, baldes, alguidares, tubos e outros tipos de plásticos contaminam ecopontos amarelos da região.

NOTÍCIAS / Máscaras e luvas no ecoponto colocam em risco a saúde pública

2020-05-08
Deposição de material de proteção e segurança no ecoponto contraria regras básicas de higiene e segurança.

NOTÍCIAS / Gesamb no apoio ao ensino à distância

2020-05-04
Oferta de material informático ajuda jovens do Centro Juvenil de Montemor-o-Novo, através da Associação Oficinas do Convento, a participar nas atividades letivas em tempos de COVID.

NOTÍCIAS / Resultados Operacionais - Balanço 2019 Gesamb

2020-05-01
Em 2019 produziu-se menos resíduos (-0,14%) e aumentou-se a recolha seletiva (14%), do que em 2018.

NOTÍCIAS / Risco de Saúde Pública - COVID-19

2020-03-18
Para uma operação de recolha de resíduos eficaz todos temos o dever de cooperar e para isso a Gesamb recorda e informa alguns procedimentos obrigatório.

NOTÍCIAS / Plano de Contingência Gesamb - COVID 19

2020-03-17
Resumo das medidas de contingência implementadas na Gesamb, a partir de 16/3/2020.

NOTÍCIAS / Grandes produtores de resíduos orgânicos de Évora têm agora uma linha de recolha dedicada

2020-03-15
Os resíduos orgânicos de cantinas, universidades, restaurantes, hospitais e outras instituições de maior dimensão são agora encaminhados para a GESAMB através de um serviço dedicado. 
Institucional
Clientes
Informações Úteis
Contactos

Aterro Sanitário Intermunicipal - Estrada das Alcáçovas, EN 380 7000-175 Évora

Tel.: 266 748 123
Fax: 266 748 125
E-mail: geral@gesamb.pt

Apoios
sponsors
Tens de virar o iPad para conseguires ver o site corretamente